Atlético-MG empresta dinheiro, jogadores do Arsenal pagam multa e são liberados

04/04/2013 09:43
 
  • Direto de Belo Horizonte

Foram liberados nesta madrugada os jogadores do Arsenal de Sarandí que se envolveram em uma confusão com a Polícia Militar, na noite de quarta-feira, após derrota por 5 a 2 contra o Atlético-MG, em Belo Horizonte. Depois de ouvidos, os argentinos foram condenados a pagar uma transação penal – que não é considerada fiança – e devem pegar avião fretado para o país vizinho ainda hoje.

 

Clique no link para iniciar o vídeo
Argentinos jogam cadeiras na polícia após jogo; assista

A curiosidade é que o Atlético-MG teve que emprestar dinheiro para o adversário, já que os estrangeiros não tinham o valor total em mãos. A dívida deve ser acertada em até dez dias.

 

A PM conseguiu identificar, com ajuda de imagens cedidas pela TV, oito jogadores do time argentino. Eles foram chamados e ouvidos por um delegado, um promotor e pela juíza, em delegacia dentro do próprio estádio Independência.

 

A pena estipulada foi uma multa de R$ 38 mil – sendo que R$ 26 mil serão destinados para instituições de caridade e R$ 12 mil divididos entre dois policiais militares agredidos e um jornalista que foi atingido por uma cadeira arremessada pelos atletas. A terceira policial atacada, uma mulher, aceitou desculpas formais. 

 

Os jogadores foram acusados de lesão corporal e desacato a autoridade, crimes de baixo teor ofensivo, segundo o delegado Felipe Falles. 

 

O Atlético-MG e a BWA – ambos administradores do estádio – decidiram não fazer nenhuma representação contra o clube argentino. Para isso, ambos assinaram um termo de desinteresse.

http://esportes.terra.com.br/futebol/libertadores/atletico-mg-empresta-dinheiro-jogadores-do-arsenal-pagam-multa-e-sao-liberados,d551ba3b834dd310VgnVCM20000099cceb0aRCRD.html