Com iPhone e iPad, Apple registra receita recorde

23/04/2013 19:01

A Apple anunciou nesta terça-feira, 23, um lucro líquido de US$ 9,5 bilhões no segundo trimestre fiscal, encerrado em 30 de março, ou US$ 10,09 por ação, menor que o lucro de US$ 11,6 bilhões, ou US$ 12,30 por ação, registrado no mesmo período do ano passado. A receita da companhia, por outro lado, subiu e atingiu o nível recorde de US$ 43,6 bilhões, ante US$ 39,2 bilhões há um ano. As vendas de iPhones e iPads cresceram em bases anuais, mas as dos computadores pessoais Macs recuaram.

A margem bruta da Apple recuou para 37,5%, em comparação com 47,4% há um ano, enquanto as vendas internacionais representaram 66% da receita da companhia.

A Apple vendeu 37,4 milhões de iPhones no trimestre, ante 35,1 milhões no mesmo período do ano passado. As vendas de tablets iPads também cresceram, para 19,5 milhões, de 11,8 milhões há um ano. As vendas de Macs, no entanto, não alcançaram por pouco a marca de 4 milhões registrada no mesmo trimestre do ano passado.

"Estamos felizes em anunciar uma receita recorde no trimestre graças à contínua força da performance do iPhone e do iPad", disse Tim Cook, presidente da Apple. "Nossas equipes estão trabalhando em novos hardwares, softwares e serviços e estamos empolgados com os produtos que vêm por aí."

Para o terceiro trimestre fiscal de 2013, a Apple projeta receita entre US$ 33,5 bilhões e US$ 35,5 bilhões e margem bruta entre 36% e 37%.

A reação inicial dos investidores ao resultado da Apple foi positiva, com as ações subindo 5,34% no after hours. No pregão tradicional, os papéis da companhia encerraram com alta de 1,84%. As informações são da Dow Jones.

http://atarde.uol.com.br/economia/materias/1498967-com-iphone-e-ipad-apple-registra-receita-recorde